Sábado, 21 de Março de 2009
Última Homenagem

Hoje fui ao cemitério com o gato... Ao inicio estavamos com receio de não encontrar a campa, por ter sido uma coisa tão recente podia ainda não ter a lápide com a identificação por isso decidimos perguntar a uma senhora que por lá andava também... "Onde foi enterrado o senhor Vasco? Venham comigo que eu mostro-vos. Não me digam que eram alunos dele? Foi uma pena..." disse a senhora... Foi realmente uma pena, e quando lá chegamos percebemos que o receio de não encontrar a campa não tinha razão de ser, era "impossível" não reconhecer... Já tinha lápide mas nem sequer conseguimos ver a fotografia ou ler algo que fosse, estava repleta de coroas e ramos que faziam um enorme monte... Mais uma vez deu para ver por quantas pessoas eram acarinhado, tanta flôr que lá tinha significava homenagem por parte de muita gente!

Recebi a notícia na terça feira de manhã, custou a acreditar, depois seguiu-se a fase de tentar entender o que se tinha passado e encarar a situação com naturalidade não deixando de lado a tristeza. Tentei fazer tudo isto mas ainda não tinha realmente caído na realidade. Hoje fui confrontada com ela. Quando lá cheguei, percebi que ele lá estava mesmo, que não tinha sido mentira, que aquela pessoa que toda a gente adorava e que nos divertiu outrora, agora estava ali... Sem poder contactar connosco. Nunca mais...

Custou. Doeu. Lembranças invadiram-me... Lágrimas teimaram em escorrer. Pusemos a rosa branca atada á cruz por cima da lápide. Ficou bem, como se a pusemos á cabeceira dele... E saímos... Eu saí a sorrir ao lembrar-me de uma das úlrimas partidas que me tinha pregado, numa visita de estudo ao convento de Mafra! Bons velhos tempos...

Vai ser para sempre uma pessoa que vou recordar com muito carinho e amizade... e Sempre que estiver lá perto ou possa lá passar assim o farei...

Um bom Homem, grande professor, amigo. <3

Até um dia Prof. Vasco...


sinto-me: cansada

publicado por Emo de Nemo Sem "N" às 22:58
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 17 de Março de 2009
Adeus Professor Vasco Moreira. ='/

Foi com grande tristeza que hoje quando acordei olhei para o telemovel e li a mensagem que me dava a inesperada notícia... O professor Vasco Moreira, meu ex-professor da disciplina de Portugês no secundário havia falecido esta noite de ataque cardíaco.

Caiu tudo. Não estava a espera. Nutria grande carinho por aquele Homem. Um professor exemplar, sempre disponível, bricalhão, amigo, uma quantidade enorme de adjectivo bons que tinha pra lhe dar! Um grande Homem que pela sua experiência de vida, acabava por marcar a nossa também... Daquelas pessoas que macam a nossa vida mesmo. Um Homem com quem aprendi muito. Não conheço ninguém que fosse aluno dele que tivesse algo a apontar-lhe, era acarinhado por todos... Desenvolvia grandes projectos a nivel profissional, num dos quais eu e mais duas colegas fomos escolhidas para representar uns excertos de um livro da Clara Pinto Correia na sua presença... Lembro-me do nervosismo que possuimos e de como eles nos gozava para aliviar a situação! Sempre a tentar tornar tudo muito mais leve! Lembro-me do lugar dele na sala de aula... Não se sentava atrás da secretária como a maior parte dos professores, preferia antes encostar-se a mesa enquanto estava de pé a dar a sua aula... Sempre atento a tudo mas sem demonstrar. Nunca o vi ser extremamente rígido para ninguém. Era tratado por nós e entre nós como "o vasquinho". No 12º ano foi obrigado a deixar de dar aulas a minha turma (que já acompanhava há 2 anos) por sobrecarga de incompatibiidade horários... A parte feminina da turma desmachou-se a chorar, a parte masculina nao consegui também esconder a tristeza... Ele simplesmente fez um pequeno discurso, notoriamente emocionado mas contido, e saiu... Que saudades! Desde esse dia, foram ainda algumas as vezes que nos cruzamos nos corredores da escola... Cumprimentava-me sempre de forma simpática e perguntava como estava, mandava uma piada ou outra... O mesmo Vasquinho de sempre... E agora entristece-me porque nao me consigo lembrar da última vez que o vi... E sei que nao vou voltar a vê-lo pessoalmente.... ;'( Tenho certeza que o mundo do ensino e da escrita ficou mais pobre.

Queria muito ir prestar uma última homenagem amanhã, dia do seu funeral, mas tenho exame na faculdade e vai-me ser impossível estar presente... Mas vou levar-lhe uma flôr no fim de semana ao local do seu repouso... Com a certeza de que guardo na memória e no coração recordações felizes de um Grande Homem!

Eternas saudades Prof. Vasco Moreira!


sinto-me: Triste, incrédula

publicado por Emo de Nemo Sem "N" às 21:30
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito

Domingo, 2 de Novembro de 2008
I'm Lost...

Já sei que cá não venho há muito tempo e se há alguém que lê assiduamente o meu blog (o que eu duvido) peço desculpa mas não tenho andado com a minha paciência pra cá vir postar... Quando muito tenho dado uma vista de olhos por blogs alheiose pouco mais...

Ora bem, pra começar estou a detestar a faculdade. Não sei se é por causa da merda do PBL (novo método de ensino, em que parece que estamos a tirar o curso pelo correio, porque somos nós que temos que pesquisar tudo; pouca ou quase nenhuma ajuda nos é dada e a frase que mais ouvi a semana passada foi "a tropa manda desenrascar", e eu que pensei que ia pra lá pra aprender!) ou se é mesmo por causa do curso, ou melhor da profissão em si... Engraçado é que fiquei um ano há espera de entrar pra isto e agora que consegui não está a corresponder ás minhas expectativas... Escusado será dizer que isto é muito frustrante... Mas nada de novo pra mim, já estou habituada a aguentar muita coisa... As mulheres do norte são assim desta fibra... ou não. Lol. E depois tenho montes de cenas pra fazer e nem sei por onde começar, não dizem nada de específico, uma pessoa anda ali ás aranhas completamente... Está a ser terrorífico... :s

As sócias... Tenho saudades delas. Da mana também... Mas a vida é mesmo assim, cada uma tem o seu caminho e não dá infelizmente pra estarmos sempre juntas, mas algo se vai arranjando... Sinto falta de uma boa noite de gajas! Festa do pijama, com muitas gomas e parvoíces á mistura, gargalhadas, cusquices q.b, ficar acordadas ate ás tantas a gozar umas com as outras... Saudades X(

O gato... è aquela pessoa sem a qual não consigo respirar... Agora com esta merda deste horário só dá p'ra estarmos juntos três vezes por semana (o que a mim faz-me imensa confusão mas a ele parece que não), e p'ra contribuir mais um bocadinho esta semana foi farta de discussão... :S As aulas em tronco nú já por si são difíceis de engolir, então com meia duzia de engraçadinhas a fazerem pedidos de amizades depois da primeira aulas dessas... Fonix, é de uma gaja perder a cabeça! E ele agora tem uns amiguinhos novos que não sei porque, mas tenho a ideia que não são muito de fiar... Têm os três namorada, mas longe... E não quero afirmar nada porque ainda não os conheço, mas o senhor gato descaiu-se a dizer que o não sei das quantas cada vez que vê uma gaja põe-se todo colado a comentar, e o não sei quem tem gajas que querem ir morar pro quarto que ele tem de vago lá em casa... E sim, não me sinto segura. Depois é porque a não sei das quantas ta magra e por acaso ainda bem boa, e blá blá blá... E hoje no msn em casa dele, passei-me.

" N: olha tenho uma cena muito importante pra falar contigo... Mas primeiro diz-me se vais ao jantar ou nao." "Gato: importante? Tou acompanhado."

GRRRRRRR! Outra:

"E: então vens e pagas o café?" "Gato: Não pah, vou com a joana. A namorada."

Escusado será dizer quais foram as minhas interpretações... Depois claro, discussão na certa.

Depois vem p'ra minha beira e mima e tal e porque não tenho motivos p'ra tar assim, porque nao é nada do que pensei, so os conhece há duas semanas e ainda nao tinha dito o nome da namorada, e porque o N. gosta muito da namorada e não a traía como eu penso que é suposto pela maneira que ouvi falar há algum tempo, etc... Mas há coisas que não me saem da cabeça. 

Sinto-me completamente perdida com tudo... Quero um buraco... X(


música: Fall for you
sinto-me: Choraminhas, perdida, sozinha

publicado por Emo de Nemo Sem "N" às 21:31
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Domingo, 3 de Agosto de 2008
Fim de semana

Ontem nao tive tempo absolutamente nenhum para cá vir postar. Levantei-me cedo para deixar tudo em condições em casa antes de ir apanhar o comboio para ir ter com o gato, chego a estação e vou comprar o bilhete; o senhor da bilheteira começa a perguntar mas afinal em que comboio é que eu queria ir, e eu já a passra-me disse-lhe que ia no próximo e para ele nao demorar muito se não ainda o perdia... Bonito, esqueci-me que era fim de semana e os urbanos para a linha de braga sao de duas em duas horas, tive que ir a correr quase para o fundo a estação para apanhar um regional... Daqueles comboios do tempo do "arroz de 15"... Mas o que interessa é que cheguie a tempo da esteticista e das horas que tinha marcado para estar com o meu vício. :D

Depois seguiram-se umas boas horinhas, muito mimo... Bem precisamos, depois da fase horrorosa e deprimente que temos vindo a passar precisamo mesmo é de animar as coisas e fazê-las renascer, agora é aproveitar o verão juntos com programas que nos unam ainda mais e nos envolvam emocionalmente. Se o S.Pedro se lembra de nos estragar os dias que temos programados esta semana para o campismo mato-o!

Ontem á noite custou-me tanto despedir do meu piolho... O bébé da minha prima. Eles como estão na suiça só cá vêm duas vezes por ano, mas o miúdo está tao fofinho... ;( Agora só quero é que chegue o natal para eles virem de novo :p

Hoje de manhã, depois de ontem ter adormecido ja passava das 2h, liga uma outra prima minha as 8:30h da manha (é preciso que se note) a dizer que estava com os piolhinhos dela na praia aqui perto da minha casa e se nós não queríamos aparecer por lá. Obvio que a morena levantou-se logo a correr e preparou-se para ir. Aqueles meninos são tãoooooooooooooo fofinhos!!! Mas estava muito vento na praia hoje...so tivemos lá até ao fim da manhã, e depois viemos para casa e eles também passaram por aqui. O meu primo mais pequeno desses dois que vieram (3anos) encontrou o "chapéu" do pai natal meteu-o na cabeça e era vê-lo andar aqui dum lado pro outro todo contente com aquilo a tapar-lhe os olhinhos quase. LOOOL. XD

Depois de me ter deitado a aquela hora e me ter levantado cedíssimo, escusado será dizer que aterrei a tarde toda; também não tinha mais nada pra fazer... Os fins de semana são sempre assim...  O gato a trabalhar 22h em 48h, a maior parte do tempo que lhe sobra é pra descansar que bem precisa e eu fico a "aparBalhar" o fim de semana todo. ;( Agora tenho que esperar que ele saia para podermos falar um bocadinho e matar algumas saudades. E é isto... Só de pensar que vou passar (se o S.Pedro deixar) 3dias inteirinhos com ele... Hummm... :D

Bem... E a minha vida é isto. AH!!!! Peço desculpa, no último post cometi uma gaffe, disse que fazíamos um ano e oito meses, mas nao. Fazemos um ano e sete meses, disse oito porque associei ao mês de agosto que é o mês oito.

Cheirinho a janta... :D


sinto-me: cansada da tv

publicado por Emo de Nemo Sem "N" às 20:32
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quinta-feira, 31 de Julho de 2008
A "Aventura"...

 

 

 

Como disse que cá voltava ontem para contar a tal espécie de "aventura" que me tinha acontecido, que nao foi mais do que um momento desagradavel para alguem e eu tava a passar nesse preciso momento e fiz o que pude para ajudar, aqui estou eu.

Ontem de manha depois de ter ido a escola buscar a ENES, o gato ainda estava a dormir, nao tinha nada pra fazer, entao lembrei.me de ir a casa da sócia... No caminho, perto ja da casa da minha ex explicadora começo a ouvir uns gritos e choro, mas nao fazia a minima ideia do que se estava a passar. Ao fazer a curva seguinte, deparo-me com uma carrinha quase espetada contra um muro numa especie de ribanceira, só nao se espetou mesmo graças a uma quantidade enorme de alecrim que lhe "travou" o carro... Os gritos que tinha ouvido, e agora ouvia ainda mais, eram os gritos da condutora... Tinha um golpe mesmo profundo no pé... Nunca tinha visto ninguem sangrar tanto... Nem nos filmes... E o filho da senhora estava cá fora, de chucha na boca, a ver aquilo tudo... Como apareceu um rapaz que por acaso tambem ia a passar e era bombeiro veio la e encarregou-se de "cuidar" da senhora... E eu fiquei com o menino... Nao chorava nem nada disso, mas estava assustado... Só dizia: "mãmã caiu..." "qué o dudu...". A mãmã dele nao tinha cáido... tentaram assaltar o carro durante a noite mas ela provavelmente so deu conta depois de ja estar dentro do carro e de o ter ligado; como o carro era uma "bomba" tinha uma cena tipo travao no volante e a senhora iria tirar isso, só que ja não teve tempo... Como o carro tava ligado e aquilo era uma rua bastante inclinada o carro começou a andar sozinho, e ela tentou travar mas disse que nao conseguiu, provavelmente os supostos assaltantes cortaram-lhe os travoes; o desespero da senhora foi tanto (a preocupaçao dela era o filho) que pos o pé de fora para tentar travar o carro ou pelo menos mudar-lhe a trajectoria... cortou-se num passeio... mas muito mesmo... parecia um "bife"... quando me lembro de ter olhado para o pé dela faço logo por esquecer... Tava tudo a volta da senhora e eu lá com o menino de apenas dois anos a assistir aquilo tudo... tentei desvia-lo um pouco... eu falava pra ele e so me dizia "qué o dudu"... Nao fazia a mínima ideia do que era mas depois a mãe disse que era um ursinho que andava sempre com ele... lá se encontrou o urso com sangue da mãe... Mas o menino so queria esse boneco e pronto... e até chegar a ambulância tive sempre com ele ao colo... depois os bombeiros tiveram a brilhante ideia de em vez de levanrem os pertences da senhora e do filho para a ambulânica não, mandam tudo para os meus braços... Eu já tensa por estar naquela situaçao, com a criança ao colo, com a carteira da mãe, a mochila do menino, e a caneca da água do menino... Que peso... E daí vem esta dor de braços... :( Ofereci-me para ir com eles na ambulância porque a senhora queria o filho com ela e o miudo com aquela idade nao ia sozinho para o hospital, so que entretanto chegaram familiares da senhora e ja nao foi preciso... So espero que ela esteja bem e que o menino ja esteja mais calmo. E foi esta a "aventura" de ontem... Sem contarmos podemos vir a ser úteis para as pessoas. :) E eu adoro miudos e fiquei contente por poder ajudar. Entretanto depois fui para casa da sócia, almoçamos juntas, mas "cuscamos" pouquinho ontem. Lool. Pra semana há mais.

Hoje está um tempinho muito chocho e o gato está a trabalhar :( Resta-me decorar a programaçao da tv... Lol.

Há dias assim...


sinto-me: Com saudades...

publicado por Emo de Nemo Sem "N" às 14:11
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim
.Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
24
25

26
27
28
29
30
31


.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

.tags

. todas as tags

.posts recentes

. Última Homenagem

. Adeus Professor Vasco Mor...

. I'm Lost...

. Fim de semana

. A "Aventura"...

.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds